Pular para o conteúdo principal

"Paredão" no Internato em Pediatria I da UFRN

Nesta quarta feira, 20/05, o Internato em Pediatria I da UFRN apresentou mais uma novidade aos seus doutorandos. Foi o CADEIRÃO DO PED I, uma espécie de " Paredão" , onde cada aluno de forma individual foi convocado a sentar em uma cadeira estilizada, e logo em seguida, arguido oralmente sobre temas da pediatria geral . No grupo de 19 discentes, cada um respondeu a três questionamentos, em 3 rodadas distintas, perfazendo um total de 57 perguntas. Experiência muito interessante, que poderá ser utilizada nas turmas subsequentes.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Estadiamento Puberal: Critérios de Tanner

É com muito orgulho e satisfação que o Blogger "Pediatria em Foco" posta mais um Projeto de Intervenção desenvolvido pelos doutorandos do Internato em Pediatria I da UFRN. Este, por sua vez, aborda o Estadiamento Puberal, com ênfase nos Critérios de Tanner. Para ver em detalhes, basta acessar o link: https://www.slideshare.net/blogped1/estadiamento-puberal-critrios-de-tanner.

Semiologia Pediátrica : Icterícia neonatal - Zonas de Kramer

icterícia neonatal ocorre em cerca de 50% dos recém-nascidos a termo e em 70% dos recém-nascidos pré-termo (prematuros). Ela é quantificada considerando-se a sua progressão craniocaudal, isto é, a progressão da icterícia da cabeça para a região inferior do corpo (pernas e pés). A tabela elaborada por Kramer relaciona os níveis de bilirrubina indireta (BI) com a zona dérmica de icterícia:

Fácies adenoideana

Semiologia Pediátrica- Fácies adenoideana - A hipertrofia das adenóides faz com que as crianças respirem persistentemente pela boca, o que leva a alterações na anatomia da face e dos dentes, provocando uma aparência chamada fácies adenoideana. - Características:  rosto alongado, dentes incisivos proeminentes, dentes agrupados, maxila pouco desenvolvida, lábio superior curto, lábio inferior ressecado;narinas elevadas  palato arqueado., boca entreaberta.